Bottero Sustentável

A sustentabilidade é hoje uma prioridade para a Bottero. Por isso, adotamos uma série de processos para reduzir ao máximo os impactos ambientais. Além da classificação correta dos resíduos, concentramos o foco na redução do lixo e reaproveitamento de materiais.

O conjunto dessas ações resulta na reciclagem de 60 toneladas de resíduos ao mês. Isso já representa quase 100% de reaproveitamento, em um processo que abrange todo o parque fabril – desde o refeitório até a fabricação do calçado. “Lixo” que se transforma em palmilhas, fertilizantes e até combustível.

Algumas parcerias são fundamentais para a reciclagem das 60 toneladas mensais. Uma delas é com a empresa Ambiente Verde, que resulta na produção de uma palmilha sustentável. O que antes era “lixo” se transforma em um novo material, que por sua vez retorna ao processo fabril em forma de um novo e qualificado componente.

Sustentabilidade: fábrica recicla 60 toneladas de resíduos por mês

Uma boa parcela dos resíduos (46 toneladas mensais) é transformada em nada menos que combustível. Esse processo é viabilizado pela Fundação Proamb, que encaminha esse novo produto para ser utilizado nos fornos de cimento. As cinzas geradas são totalmente incorporadas ao cimento.

Além destas, uma parte dos rejeitos também é destinada à empresa Ilsa, que transforma cerca de 12 toneladas de resíduos de couro em fertilizantes a cada mês.

Práticas sustentáveis como essas não apenas reduzem o impacto no meio ambiente, mas tornam o processo de fabricação mais eficiente e produtivo. Um verdadeiro círculo virtuoso, onde ganha a sociedade, a empresa e suas consumidoras com calçados de qualidade feitos com paixão e consciência ambiental.